NOTÍCIAS

Informações que devem constar nos anúncios sobre despesas com operações de financiamento, em qualquer setor.
03/03/2008

O Banco Central do Brasil estabeleceu que a partir de 03 de março de 2008 o consumidor que pretender obter um empréstimo ou financiamento na aquisição de bens, serviços e empréstimos financeiros, deverá ser cientificado do total dos encargos que terá tais como juros, seguro prestamista, taxa de abertura de crédito (TAC) e o Imposto sobre Operações Financeiras (IOF).

Essas informações DEVERÃO CONSTAR TAMBÉM DE TODO E QUALQUER MATERIAL que divulgue ou ofereça empréstimos bancários, aquisição de bens e serviços mediante financiamentos, etc.

Portanto, a esse novo referencial na operação de crédito e financiamento foi dada a denominação de CUSTO EFETIVO TOTAL (CET), que implica em que bancos e financeiras vão ter de juntar numa única taxa, expressa na forma anual, os juros e todos os demais custos embutidos numa operação de crédito.

A finalidade dessa informação, segundo o Banco Central do Brasil, é para que o consumidor possa comparar de forma eficaz as condições para uma mesma operação de crédito em várias instituições.

A obrigatoriedade dessas informações ao consumidor, INCLUSIVE ATRAVÉS DE ANÚNCIOS OU QUALQUER OUTRA PEÇA PUBLICITÁRIA, passou a vigorar NO DIA 03 DE MARÇO DE 2.008.

voltar